domingo, 30 de outubro de 2016

Uma carta ao meu filho autista



Oi Filho, tudo bem? Hoje a mamãe sentiu uma vontade enorme de escrever uma carta pra você ler um dia, não sei exatamente quando, mas senti uma necessidade de falar um pouquinho sobre nós, coisas que talvez hoje enquanto você  é pequenino possa ainda não entender. Filho, antes de qualquer coisa a mamãe quer dizer que você  é um menino lindo, um verdadeiro príncipe e a mamãe se sente privilegiada por ser sua mãe e ter um filho tão lindo e tão perfeito como você, lembre-se sempre meu príncipe, pra mamãe você é perfeito. Sabe meu amor, antes de você nascer a mamãe e o papai ficavam imaginando como você seria e nem em todos os meus mais belos sonhos eu imaginei que você seria tão lindo e tão perfeito. Quando você nasceu foi a maior alegria das nossas vidas e eu nunca vou me esquecer daquele dia. Filho, você foi um bebê encantador, sempre com esse mesmo sorrisão lindo que você tem, que aliás dizem que é igual o da mamãe e eu tenho o maior orgulho disso, até porque todo o resto do mundo diz que você é a  cara do papai. Deve ser por isso que você é tão lindo... 
.....


Me lembro até hoje de quando você ainda era um bebê pequeno e mamãe colocava musica pra ouvir e você ficava fazendo um som lindo como cantando junto. Também me lembro de quando você aprendeu a dar Tchau, a falar "nenê" sempre que via um bebê na rua e claro das fases que você ficava com eternos "dadada". Que fase linda e tenho saudades sim daquele tempo. É filho, a mamãe se lembra dos seus primeiros passinhos com um ano e três meses, aliás temos o vídeo claro, a mamãe sempre filmou tudo né. Foi depois dessa época que a gente percebeu que alguma coisa começava a acontecer. Você já não falava mais nenê, mama, e as pequenas palavrinhas que você tinha começado a falar. Você já não nos olhava nos olhos mais e nem nos atendia quando chamávamos o seu nome. Depois disso fomos tantas vezes a tantos médicos né meu bem, mas a mamãe e o papai só queriam saber o que estava acontecendo para poder te ajudar.

Queremos sempre o melhor pra você, minha vida, a mamãe faria qualquer coisa pra te ver bem e isso nunca vai mudar, faço qualquer coisa por você.

 Bom meu amor, de repente toda semana a gente ia pro mesmo lugar pra você passar um tempinho com as terapeutas que estavam lá pra te ajudar e como ajudaram não é? E nós começamos a entender você melhor e isso facilitou as coisas entre nós. De repente chegou o seu primeiro dia na escolinha. Você se lembra, filho? Não né rsrs.  Mas a mamãe nunca esqueceu aquele dia, fomos eu e o papai levar você e a mamãe já foi chorando, deixar o meu bebê lá sem eu... Parecia uma tortura, mas você sempre o meu forte homenzinho que nem chorou... Ficou lá super bem até a hora de ir embora, e passamos um ano naquela escolinha, você adorava lá, filho, teve ótimas professoras lá que te ajudaram muito e te ensinaram muitas coisinhas novas.  

Filho, a médica passou uma medicação pra você tomar as noite e embora a mamãe tenha relutado muito em te dar, chegou uma época que você ia dormir as 3 ou 4 da manhã e estava sempre super agitado. A mamãe ficou confusa, mas depois de conversar muito com o papai resolvemos que você começaria a tomar sim, porque você não se desligava nem por um minuto, estava sempre de um lado para o outro e tudo isso não estava fazendo bem a você. Oramos muito para que tudo desse certo, aceitamos essa medicação, mas a mamãe  ficava sempre torcendo pra que um dia você não precisasse mais. 

Sair de casa com você era difícil, você chorava muito quando chegava em lugar diferente, a mamãe entende que era muita informação para você processar, muitos estímulos e tudo aquilo te deixava muito confuso e nervoso.
Bem, depois de um tempo aprendemos a lidar com isso também, na verdade acho que você aprendeu meu amor, você adora passear, ir ao shopping, aos parquinhos e eu quero te dizer uma coisa meu bem, alguns pais tiravam seus filhos de perto mais isso era por pura maldade deles, você é uma criança incrível e só quer brincar também, o problema não está em você meu bem mas nas pessoas que não conseguem compreender a diferença nas outras. 

Bem meu amor, chegamos a um diagnostico do que te faz diferente das outras pessoas, você é "AUTISTA" e já deve ter visto e ouvido milhões de vezes a mamãe dizendo isso para as pessoas não é? Mas, querido, não pense que ser autista é uma coisa ruim, você é antes de tudo uma ser humano como todas as demais pessoas e se é diferente, e daí? Quem não é? Até porque não teria graça de todo mundo fosse igual, imagina todas flores iguais, não teria graça não é? Você é perfeito, meu bem, do seu jeitinho, você é perfeito pra mamãe. Ser autista não é um defeito, não é algo ruim, autistas não mentem, não manipulam, não fingem, não são falsos, então imagina como seria o mundo se todos fossem autistas, muita coisa seria diferente, temos muito o que aprender com vocês, meu bem. 

E mesmo que alguém não goste de você, não se importe com isso, mais uma vez a mamãe  diz que o problema não está em você. Se eu pudesse faria todo mundo ao seu redor compreender você, o seu jeitinho, e ver seus encantos. Seja paciente e persistente se em algum dia alguém te dizer "não", eu sei que você vai encontrar um jeitinho de mostrar que é capaz.  Lembre-se sempre a mamãe te ama demais, e nunca te trocaria por nenhuma outra criança. Sempre vou defender você meu bem, mas um dia a mamãe pode não estar mais aqui, como as plantas, os animais, nós humanos também vamos morrer um dia, mas você ainda terá o papai, e se ele não estiver também, tenho certeza que Deus colocará pessoas maravilhosas ao seu lado para te ajudar no que você precisar, a mamãe ora todos os dias pra isso, mas também a mamãe vai fazer de tudo junto com suas terapeutas para que você consiga sua independência, vou sempre fazer tudo o que posso pra que você conquiste isso. Você é capaz, meu amor, a mamãe não cansa de repetir isso pra toda as pessoas que estão em sua volta, você é muito capaz, você pode tudo o que quiser, você é muito inteligente, e sei que ainda vai nos surpreender muito.

O autismo te trouxe algumas dificuldades meu amor, como falar, e seu eu pudesse eu daria a minha voz pra você, colocaria em sua boca as palavras que lhe faltam, mas a mamãe mais uma vez junto com as terapeutas estamos tentando te ajudar a ter uma voz, mesmo que não seja palavras faladas, mas que de alguma maneira você consiga se  comunicar com  a gente, seja por um programa de computador, por figuras ou o que for, a mamãe só quer saber o que está pensando as vezes e o que deseja. Se eu pudesse, eu te daria os amigos que te faltam, naquelas brincadeiras que você corre atrás das crianças pedindo pra brincar junto mas nem sempre é compreendido, eu faria isso por você se pudesse, mas quero ser sua amiga pra sempre meu bem, e sei que o papai também, você pode contar com a gente, você sempre estará em primeiro lugar na nossa vida. Eu queria trocar de lugar com você e pegar para mim todas as suas dificuldades, te daria o céu e todas as estrelas, mas não posso, então faço tudo o que posso pra ver em seu rosto esse sorriso encantador.


Eu queria trocar de lugar com você sempre que sente uma dor e as vezes a mamãe nem consegue entender aonde está essa dor, e isso deixa a mamãe com o coração partido, sua dor dói em mim. 

Temos uma família grande, você  tem avós que te amam muito, tias e tios que adoram você e primos que além deles gostarem muito de você, também sabem que você gosta muito deles. Sabe o que mais me encanta? Suas superações, meu amor, você sempre nos surpreende, você é o verdadeiro guerreiro, que trava muitas batalhas, mas sempre com muita força e a mamãe tem o maior orgulho de você. Agora as coisas vão começando a se acertar, estamos encontrando um caminho pra te ajudar, a uns três meses pra cá você vem surpreendendo a todos nós e sei que vai ser assim a cada dia. Você pode tudo o que quiser!  Sabe o que a mamãe mais adora? Seus beijos roubados de surpresa e quando você vem me abraçar e não para mais de beijar a mamãe, ou quando você corre pra cama da mamãe e do papai e joga suas perninhas em cima de mim e seus bracinhos em volta de mim e fica ali quietinho e eu posso sentir seu coraçãozinho bem pertinho de mim. queria que esses momentos fossem eternos... Nós três, formamos uma família linda e só é completa porque temos você.

Pode ser que quando você ler essa carta, ou alguém ler pra você, tenhamos uma pessoinha a mais em nossa família, a mamãe e o papai conversam muito sobre isso e pensamos em te dar um irmãozinho, acho que você vai gostar, não sei se realmente você terá um irmãozinho ou irmãzinha, mas estamos sonhando com isso, mas quero que saiba que mesmo que venha outra pessoinha pra essa casa, você sempre será meu amado filho, meu primeiro amor, e você não vai perder um pouco de amor, porque vamos multiplicar o amor em nossas casa, parece confuso meu bem, mas amor de mãe quanto mais se dá, mais se tem.  Pra acabar meu bem, porque esta carta já está ficando grande demais, eu quero te agradecer. Agradecer, por você existir e por fazer da mamãe um pessoa tão melhor, você é minha fonte de força, sabedoria, paciência e tantas outras coisas de bom que aprendi e aprendo todos os dias com você. Você é meu sonho realizado de ser mãe, você é meu bem maior, um presente de Deus em minha vida, te amo muito meu filho e sempre vou amar você.

Escrita em 28 de outubro de 2016





VOCE TAMBEM PODE GOSTAR DISSO:


3 comentários:

Andri P disse...

Que lindo!

Andri P disse...

Que lindo!

dianapris souza disse...

linda a carta!!
As mamaes que ainda estão lidando com o diagnóstico deixo o link de um vídeo abençoado " Lidando com o diagnóstico do autismo" https://youtu.be/i_mtMY-I23o

Postar um comentário